Nós sabemos brincar? Texto de Monica Machado~



Foto de Monica pequenina, ela é a do meio


Estamos vivendo uma era em que o BRINCAR precisa ser pensado, entendido e estudado. Tudo que nos parecia tão natural na infância, se transformou num desafio para pais e educadores. Brincar se tornou algo complexo. Não para a criança, mas para a compreensão do adulto.


Num mundo extremamente competitivo, o que vemos cada vez mais, são pais preocupados e dedicados à proporcionar conhecimento, mil e uma maneiras de ocupar as crianças com atividades "produtivas" e de "conteúdo". O ócio vem perdendo a força e o espaço, abrindo portas para a tecnologia e todas as atividades que podem vir a estimular o intelecto dos pequenos.


Nos falta tempo? Paciência? Tolerância? Ou compreensão da importância da brincadeira? O que o SEU BRINCAR deixou de marcas? O que ele deixou de sentimento? De aprendizado? De conteúdo? O que ele deixou de história? De boas lembranças?

O BRINCAR realmente precisa ser pensado, entendido estudado? A criança já nasceu sabendo brincar. Quem DESAPRENDEU, fomos nós! Que bom seria se nos deixássemos levar pela criatividade da criança. Se conseguíssemos esvaziar nossas mentes dos nossos dia a dias e pudéssemos abrir espaço para a nossa própria criatividade. Sem objetivos pré definidos, sem metas, sem intenções. Que bom se pudéssemos compartilhar da ingenuidade do brincar com nossos filhos... Somos capazes? SABEMOS BRINCAR?


Monica Machado é aluna do curso de postulantes à adoção do Grupo de Estudos e Apoio à Adoção Anjos da Vida

34 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo